Setorial - Nossa terra no ar.
24 de outubro de 2013 11:20

Dilma sanciona Mais Médicos

Em seu discurso, a presidente ainda pediu desculpas ao profissional cubano hostilizado em Fortaleza

Por Redação

A presidente Dilma Rousseff sancionou nessa terça (22) a medida provisória que institui o Mais Médicos, programa do governo federal que visa levar profissionais brasileiros e estrangeiros para áreas isoladas e periferias de grandes cidades do país, e pediu desculpas ao profissional cubano hostilizado no Ceará. “Eu queria cumprimentar cada um dos médicos e das médicas, porque eles representam muito bem a grande nação latino-americana”, disse.

Durante discurso, o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, pediu que o cubano se levantasse da plateia, que foi aplaudido pelos presentes no Palácio do Planalto. “O corredor polonês da xenofobia não representa o espírito do povo brasileiro ou mesmo da maior parte dos médicos do País”, afirmou Padilha.

Dilma agradeceu todos os profissionais brasileiros e reconheceu o valor do programa e da atuação dos médicos. “Eu queria dizer a todos vocês que uma das profissões mais generosas é a do médico. A todos vocês, que são um centro deste programa, queria dizer muito obrigado”.

Os comentários para este conteúdo estão encerrados.