Setorial - Nossa terra no ar.
31 de agosto de 2016 14:35

Governo central tem pior déficit primário para julho

No mês, o déficit registrado foi de R$ 18,551 bilhões

Por Redação

Em julho, o Governo Central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central) registrou um resultado deficitário de R$ 18,551 bilhões, o pior desempenho para meses de julho desde 1997.

O déficit primário representa o resultado negativo nas contas públicas, desconsiderando o pagamento de juros. No acumulado deste ano, o déficit chega a R$ 51,073 bilhões, também o pior resultado da história para os sete primeiros meses do ano.

Em 12 meses até julho, o governo central apresenta déficit de R$ 163,34 bilhões, o equivalente a 2,59% do Produto Interno Bruto (PIB). O rombo fiscal deve seguir expandindo até o fim de 2016, já que a meta do governo central para este ano admite um déficit de até R$ 170,5 bilhões.

O resultado de julho representa uma queda real de 5,7% nas receitas em relação a julho de 2015. Já as despesas tiveram alta real de 3,2%. No acumulado do ano até julho, as receitas do governo central recuaram 6,0% e as despesas aumentaram 0,8%.

Os comentários para este conteúdo estão encerrados.