Setorial - Nossa terra no ar.
08 de julho de 2014 09:03

Caminhar ajuda nos sintomas do Mal de Parkinson

Para chegar a descoberta, o estudo contou com a participação de 60 pessoas

Por Redação

Pesquisa realizada pela Universidade de Lowa, nos EUA, revela que caminhar pode melhorar a qualidade de vida de quem tem Mal de Parkinson. O hábito de fazer caminhadas regulares auxilia na coordenação motora, no humor, diminui o cansaço e aprimora aspectos de habilidades de pensamento.

Para chegar a descoberta, o estudo contou com a participação de 60 pessoas para fazer caminhadas em intensidade moderada, monitoradas por medidores de frequência cardíaca, três vezes por semana, 45 minutos por sessão, durante seis meses. Os voluntários também participaram de testes para medir a função motora, condicionamento aeróbico, humor, cansaço, memória e habilidades de pensamento.

A velocidade média da atividade física foi de cerca de 2,9 km/h, e os participantes estavam se exercendo a 47 % de sua frequência cardíaca, que se enquadra na definição de exercício aeróbico de intensidade moderada. A pesquisa identificou que uma caminhada rápida melhora a função motora e humor em 15 %, 14% da atenção, reduz em 11% o cansaço, e aumenta a velocidade de marcha em 7%.

 

Os comentários para este conteúdo estão encerrados.